desafios do pricing

Em uma conversa informal, Juan Ferrés, da Teros, e Caio Rodrigues, da Yduqs, debatem sobre os desafios do pricing e quais os caminhos para transformá-la em uma área eficiente

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

A área de pricing ocupa um lugar central na empresa e gera grandes resultados para as empresas, quando estruturada, automatizada e com foco em governança. Nesse Webinar Juan Ferrés e Caio Rodrigues debetem sobre os desafios do pricing. 

O papel da área de pricing é receber insumos e parâmetros de diversas áreas da companhia e transformar essas informações em preços para o cliente final que estejam próximos de sua expectativa. O pricing funciona como um mediador entre as áreas financeira, comercial, planejamento e marketing. O profissional de pricing precisa quantificar a informação recebida dessas áreas, transformando-a em preços que permitam equilibrar as metas de cada uma delas.

 

A função do analista de pricing é receber inputs, muitas vezes contraditórios entre si, construir métricas e regras que permitam simular os impactos e mediar os interesses das diferentes áreas. Feito isso, transformar essas simulações em estruturas com os melhores preços para oferecer aos clientes. Mais que um preço, o pricing busca a melhor forma de alinhar metas, que ora envolvem quantidades e ora valores, na forma de uma estrutura de preços para diferentes produtos (portfólio) e clientes. O analista de pricing precisa levar em conta o que os clientes pensam, o que os concorrentes estão fazendo e o que os times comerciais conseguem executar.

Mas… o analista de pricing precisa de tempo para poder melhorar continuamente o processo.

E quando o pricing não tem tempo para mediar o processo? E quando não consegue aproximar a meta de uma área da outra? Ou quando não consegue compatibilizar essas metas com o mercado? Como conciliar as metas internas às expectativas dos clientes e do mercado, em tempo hábil para não atrasar a revisão de preços? Na visão da Teros, utilizar ferramentas digitais é essencial para um funcionamento adequado da área. 

 

Para falar sobre como transformar o pricing em uma área eficiente, Teros organiza a Conversa Virtual “Como promover a transformação digital na área de pricing”. A conversa, com Juan Ferrés, aborda como estruturar a área de pricing utilizando ferramentas digitais de gestão e analytics e traz como convidado especial Caio Souza, da Yduqs. A Yduqs é hoje o maior grupo de educação superior no Brasil, com mais de 1,1 milhão de alunos, e uma das organizações que mais inova e cresce no país.

 

A conversa traz temas como criar a integração das diferentes metas que existem dentro da companhia e que afetam o pricing e liberar tempo para a mediação de estratégias, transformando grandes metas em simulações de cenários. 

 

Governança em pricing

 

Após a estruturação de uma área de pricing, parte-se para um novo desafio: a governança. É preciso estar constantemente simulando cenários, monitorando processos, avaliando resultados e aprimorando estratégias. É essencial deixar de tomar decisões de preços no feeling e começar a tomá-las baseado em análise de dados, ainda mais frente aos desafios que as mudanças do mundo digital e o omnichannel apresentam. Um exemplo prático dos benefícios da automatização do processo de pricing é a possibilidade do uso de elasticidade de forma sustentável.

 

Conversa Virtual

Data: 07.12.2021

Horário: 17h

Participantes: Juan Ferrés (Teros) e Caio Rodrigues (Yduqs).


Inscreva-se pelo link: https://conteudos.teros.com.br/webinar-estruturacao-area-de-pricing

Leia mais sobre o Mundo Open!

8 soluções de Inteligência de Dados para Pricing em diferentes setores da economia

Open Finance como “data sharing” no cenário econômico atual

Mundo Open Finance: Dicionário para entender o novo ecossistema